RIO GRANDE DO SUL
Encontro das Mulheres Dirigentes Sindicais abordou as mudanças climáticas
10 de novembro de 2023 ás 17:20:20


Foto : FETAG-RS

Nos dias 08 e 09 de novembro, mais de 300 mulheres trabalhadoras rurais e dirigentes sindicais estiveram em Porto Alegre, na sede da Fetag-RS para participar do 8º Encontro Estadual das Mulheres Dirigentes Sindicais.

O encontro acontece a cada quatro anos e nesta edição trouxe a temática “Mulheres que inspiram mudanças”. Nos dois dias a programação foi intensa, trazendo temas para o debate que são essenciais para a agricultura familiar. Logo após a abertura oficial que contou com a presença de lideranças sindicais, políticas e de organizações de mulheres urbanas, a secretaria nacional de mulheres da Contag, Mazé Morais abordou a construção da pauta da Marcha das Margaridas que aconteceu em agosto deste ano, suas implicações de negociação e também os avanços já alcançados.

Na parte da tarde a reflexão ficou por conta de Vera Miranda, palestrante motivacional que através da alegria, música e diálogo fez as mulheres refletirem sobre o que realmente faz sentido na vida cotidiana. Na parte da noite a programação contou com o show de talentos, quando as mulheres tiveram a oportunidade de apresentar seus talentos regionais.

O segundo dia de evento abordou as mudanças climáticas e o papel das mulheres agricultoras para a preservação ambiental com as falas de mulheres especialistas no tema de impactos ambientais, cadernetas agroecológicas e plantas alimentícias não convencionais. Participaram do painel a professora da Universidade do Rio Grande do Sul, Tatiana Camargo, a coordenadora do projeto das Cadernetas Agroecológicas, Juliana Salapate e a Dra. em recursos genéticos vegetais, Ingrid Barros. Finalizando a manhã do segundo dia, a psicóloga Elisa Portela relatou sua superação do câncer de mama e abordou sobre o autocuidado.

Para a coordenadora estadual de mulheres da Fetag-RS, Maribel Moreira, este evento fortalece ainda mais a organização das mulheres no estado. “Nós mulheres dirigentes sindicais precisamos nos inspirar umas nas outras para que nos fortalecemos. E além disso, precisamos gerar mudanças positivas nos lugares que estamos, somos agentes de mudanças e é isso que nos diferencia” finaliza a dirigente.

Fonte: Assessoria de Comunicação da FETAG-RS

Outras Notícias

Mais Notícias